BNDES financiamento gasoduto Argentina: O que é fato e fake

O governo argentino vem pleiteando junto ao Brasil o financiamento do segundo trecho de um gasoduto de mais de 500km batizado com o nome do ex-presidente Néstor Kirchener.

 O país pretende conseguir junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Social e Econômico – BNDES a quantia de US$ 689 milhões, correspondente pela cotação atual algo em torno de R$ 3,6 bilhões.

O presidente Lula já anunciou uma parceria com o país. O presidente argentino Alberto Fernández, inclusive, já se reuniu com o presidente eleito, Lula, logo após a vitória. 

“Iniciamos a construção do primeiro trecho do gasoduto Presidente Néstor Kirchner, que aumentará a produção de Vaca Muerta e ampliará a capacidade de transporte de gás em 30% (...)"

"Obtivemos financiamento de 689 milhões de dólares do BNDES e outros 540 milhões do CAF para seu segundo trecho” afirmou a secretária.

Por meio de nota divulgada em 14 de dezembro, o BNDES afirmou que não existe documento oficial ainda. Uma consulta já foi realizada pelo governo argentino.

O gasoduto Vaca Muerta está localizado na região Oeste da Argentina e trata-se de uma formação geológica com grande concentração de gás e óleo de xisto.